Padre católico cede capela para evangélicos realizarem cultos em Mariana MG

Noticias gospelOs acontecimentos recentes com a tragédia ocorrida em Mariana – MG com o rompimento das barragens da mineradora Samarco deixou muitas vítimas e um rastro de destruição e tristeza para os moradores de várias regiões que foram atingidas, inclusive o município de Barra Longa que fica a 63 km de Mariana.

Diante da tragédia, muitos moradores perderam tudo o que tinham, e precisaram se alocar e iniciar uma nova vida.

Ao ver a gravidade do problema A Convenção Batista Mineira, Jocum, Igreja da Lagoinha e outras igrejas evangélicas, resolveram ajudar as regiões atingidas, com vários trabalhos filantrópicos, cujo objetivo principal é ameninar a dor dos que perderam tudo e levar uma Palavra de Amor e Esperança da parte de Deus.

O bispo anglicano Josep Rossello, resolveu compartilhar nas redes sociais, algo que segundo ele é uma demonstração de amor e fraternidade. Rossello, público algumas fotos de um culto evangélico realizado no interior de um templo da igreja católica, da cidade de Barra Longa – MG.

Curta-nos no Facebook

 

Ltza, assessora de imprensa da Convenção Batista de Minas Gerais, explicou ao Portal Padom que o padre Wellerson, da Igreja Católica de São Sebastião, do município de Barra Longa, se sensibilizou com o trabalho realizado pela PIB – Primeira Igreja Batista de Mariana, presidida pelo pastor Jorge Simão, que juntamente com irmãos batistas de várias partes do país que tem trabalhado como voluntários a mais de 3 semanas na região.

O padre porem em um ato inusitado, fez com que em meio ao caos, as pessoas acreditassem que é possível vivermos em um mundo onde a solidariedade e o amor falam mais alto do que a divisão da religião. O líder católico, disponibilizou uma paroquia para que os evangélicos pudessem cultuar a Deus.

De acordo com o padre, nesse momento de tristeza e dor, a missão como cristãos e filhos do mesmo Deus, é acolhermos uns aos outros como Cristo fez.

Ltza explicou ainda que o padre Welerson, cedeu a igreja católica não apenas para realização de cultos, mas também como base de apoio aos batistas que atuam na região.

O gesto fez que católicos e evangélicos se unissem no momento de solidariedade, e os cultos tem sido motivo de alegria entre ambos os grupos, e até mesmo o padre tem participado dos cultos da Igreja Batista.

Tem sido uma bênção relata um fiel da Batista, temos sentido verdadeiramente o amor de Deus nos unir nesses últimos dias.

O que acharam da atitude do padre, deixem suas opiniões!

André Santos

Portal Padom