DISSE GOLIAS… E DISSE DEUS… (Pr. André Lepre)

(I Samuel 17.1:3)

Disse então Davi: Quem é, pois, este incircunciso filisteu, para afrontar os exércitos do Deus vivo?

E os filisteus ajuntaram as suas forças para a guerra e congregaram-se em Socó, que está em Judá, e acamparam-se entre Socó e Azeca, em Efes-Damim.
Porém Saul e os homens de Israel se ajuntaram e acamparam no vale do carvalho, e ordenaram a batalha contra os filisteus. E os filisteus estavam num monte de um lado, e os israelitas estavam num monte do outro lado; e o vale estava entre eles.

O capítulo 17 conta a história do confronto entre Davi e Golias. Todos nós conhecemos essa história (pelo menos a maioria) e o seu final. Mas a cada momento em que nos debruçamos sobre esse texto a grandeza da Palavra de Deus nos revela sempre algo novo.

Eu quero fazer algumas considerações importantes que são baseadas em revelação de Deus que me foi dada.

Durante 40(quarenta) dias Israel foi afrontada por um gigante chamado Golias, um guerreiro do exército filisteu que sempre foi uma “pedra no sapato” de Israel. Durante esse período diz a Bíblia que Golias todos os dias estava no alto do monte humilhando o exercito de Israel.

Dizia Golias: “Não tem homem para lutar comigo aí não?”  “Não há homem valente em Israel?”  “Onde está o homem que pelejará comigo?”  “Cadê, cadê…”

O quadro era interessante. De um lado o monte onde estavam os filisteus e Golias e do outro lado o monte onde estava o exército de Israel.

O monte de Golias era o monte da afronta, o monte da arrogância, o monte da subestimação, o monte da soberba, o monte da supervalorização humana, da intolerância…

Por outro lado, o monte onde estava Israel era o monte do medo, da vergonha, da humilhação, da inferioridade, da desistência, da covardia, do desânimo, da batalha perdida…

Mas um detalhe que me chama atenção é que entre os montes havia um vale e nesse vale, quem estava? Davi.

Davi no vale conseguiu perceber o que ninguém conseguiu. Primeiro Davi fez uma leitura do quadro apresentado. Ele atentou para o fato de Golias jamais ter lutado com um israelita. Não encontra-se registrado na Bíblia que Golias em outra ocasião houvesse lutado contra alguém de Israel e houvesse vencido a batalha.

Davi atentou para o fato de Golias durante 40 dias não ter feito nada de concreto contra Israel, nenhum movimento de ir contra Israel. Davi percebeu que Golias estava apenas falando, falando… e diz um ditado popular que “cão que ladra não morde!”. Davi percebeu que Golias estava querendo vencer a batalha na base da palavra, da sugestão.

Só que a palavra que Golias estava usando era a sua palavra. Uma palavra humana, carregada de sentimentos humanos, baseada nos seus próprios pensamentos e visão. Davi percebeu o seguinte: “Esse camarada tá querendo vencer a batalha na base da sua palavra!”

Disse então Davi: “Quem é, pois, este incircunciso filisteu, para afrontar os exércitos do Deus vivo?” (I Samuel 17:26)

Muitas vezes atentamos para a vitória somente quando ela está consumada, mas, nos esquecemos que uma vitória é construída ao longo de uma trajetória, ou seja, existe um processo da vitória. Davi não venceu a batalha quando cortou a cabeça de Golias. Davi começou a vencer a batalha quando usou uma palavra, palavra esse que não era sua, não era de um homem, não era de conceitos humanos, naturais, mas era a Palavra de Deus. Quando Davi disse, “Quem é, pois, este incircunciso filisteu, para afrontar os exércitos do Deus vivo?” Era o próprio Espírito de Deus que estava falando através da boca de Davi. Era o próprio Espírito de Deus que estava respondendo a afronta do gigante filisteu. E disse mais: “Tu vens a mim com espada, e com lança, e com escudo; porém eu venho a ti em nome do SENHOR dos Exércitos, o Deus dos exércitos de Israel, a quem tens afrontado” (I Samuel 17:45).

“Hoje mesmo o SENHOR te entregará na minha mão, e ferir-te-ei, e tirar-te-ei a cabeça, e os corpos do arraial dos filisteus darei hoje mesmo às aves do céu e às feras da terra; e toda a terra saberá que há Deus em Israel; “(I Samuel 17:46)

Golias teve que descer do monte, do seu pedestal de falácias e ir até o vale onde estava Davi e quando lá chegou ele não olhava mais Davi de cima para baixo, mas, Deus fez o gigante se colocar no mesmo plano de Davi. Deus fez Golias ir para o terreno de Davi, o terreno da vitória do crente, o vale.

Agora que estavam no mesmo terreno, no mesmo plano, no mesmo campo de visão, existia algo que faria a diferença. Algo que seria o ponto de desequilíbrio nessa batalha, algo que seria o divisor de águas na vida de Davi. No meio do vale Davi pegou uma pedra lisa do seu alforje, algorgj este que estava com 5(cinco) pedras. A primeira era a pedra da coragem, a segunda era a pedra da fé, a terceira era a pedra da ousadia, a quarta pedra era a da confiança e a quinta pedra foi a primeira que Davi usou e que foi determinante na vitória de Davi,  a Palavra Profética, a Palavra de Deus que disse “toda a terra saberá que há um Deus em Israel”. “!Hoje o Senhor te entregará em minhas mãos.” A pedra que fez Golias cair foi a pedra da Palavra Profética de Deus e todos souberam que havia um Deus em Israel e na vida de Davi.

Não se intimide pelos embates da vida. Não se acomode com as investidas do diabo contra você, sua casa e sua família. Não se dê por vencido, só porque alguém te disse que não tem jeito, que não vai dar certo, que você não vai conseguir, que não é capaz. Essas palavras são palavras de homens. Mas fique com a Palavra da vida, fique com a Palavra da vitória, fique com a palavra profética de Deus. Tire do algorje da sua vida a pedra que diz:

(II Corintios 5:17) -  Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.

(Romanos 8:37) -  Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou.

(Filipenses 4:13) -  Posso todas as coisas em Cristo que me fortalece.

(João 10:10) – O ladrão não vem senão a roubar, a matar, e a destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância.

Creia nessa Palavra e todos os gigantes de sua vida cairão aos seus pés em nome de Jesus.

Nele, por Ele e para Ele.

Pr. André Lepre
Gostou deste post? Então: Compartilhe no Facebook Siga-nos no:  Facebook - Twitter - G+

COMENTE AQUI!